quando deixamos o nosso Eu Mais Novo orgulhoso

Reler-nos com anos de distância é sempre um risco. Especialmente quando nos confrontamos com um ou outro Manifesto cheio de certezas sobre as Verdades da Vida. Há muitas estradas e vielas que vamos escolhendo ao longo do percurso - e emprego o plural porque suspeito não ser a única - que deixariam o nosso Eu … Continue reading quando deixamos o nosso Eu Mais Novo orgulhoso

De Santos e Pastores

Foram anos de poemas declamados no colégio de freiras e de outros tantos a retalhar versos como se fossem só uma aglomeração de a-b-b-a e sinédoques - que identificamos com o mesmo entusiasmo de quem decora a lengalenga do teorema de Pitágoras. Até que um dia, depois todo este ruído, conheci o mestre Caeiro, e … Continue reading De Santos e Pastores