o deus da dança

A minha loucura é amor pela humanidade. Vaslav Nijinsky (1890-1950) Antes dos Nureyevs e dos Baryshnikovs, havia o Nijinsky. Bailarino e coreógrafo, genial e carismático, a sua sensibilidade extrema - vista pelo resto do mundo como fragilidade emocional - e o seu nervosismo fizeram com que, a pouco e pouco, tenha sido considerado como louco … Continue reading o deus da dança