destinos

- Uma vez leram-me a sina, há muitos anos atrás - conta-me ela à luz do pequeno candeeiro que já lhe fere a vista. Abre a palma da mão em frente à cara: - "Você devia ter casado nova. Agora já não casa." Devia ter sido o João. Era tão apaixonado por mim... Eu fui … Continue reading destinos