Skip to content
Advertisements

aniversário II

Após um jantar de sangria, com muitos golos do Sporting, brindes à aniversariante, ao sr Fernandes – que nos surpreendeu com um bolo e uma garrafa de champanhe – e, como não podia deixar de ser, ao nosso amigo Oscar Wilde, venho dar os parabéns à nossa adorável Coelhinha Assassina. Como prenda, vou ajudar a sua causa, fazendo publicidade a […]

Read More →

aniversário

There is no such thing as a moral or an immoral book. Books are well written, or badly written. That is all. Oscar Wilde (1854-1900) Foi maldito por ser um magnífico autor de obras “imorais”… Se fosse vivo faria hoje 150 anos. Parabéns ao Mestre.

Read More →

o deus da dança

A minha loucura é amor pela humanidade. Vaslav Nijinsky (1890-1950) Antes dos Nureyevs e dos Baryshnikovs, havia o Nijinsky. Bailarino e coreógrafo, genial e carismático, a sua sensibilidade extrema – vista pelo resto do mundo como fragilidade emocional – e o seu nervosismo fizeram com que, a pouco e pouco, tenha sido considerado como louco e passado o resto da […]

Read More →

quem manda…?

Gibson Afasta Fã Que Quer Rezar com Ele (Público, 03 de Outubro de 2004) O actor Mel Gibson interpôs uma acção judicial contra um homem que o perseguia pedindo para rezarem juntos (…). O homem terá alegadamente ido para a porta da propriedade de Gibson pedindo para rezar com o actor. Gibson, que vive na Florida, disse que Sinclair interrompeu […]

Read More →

despeça o seu anjo da guarda

A pedido do povo (pronto… do Miguel, que agora também se chama Eduardo :p) aqui estou outra vez. Entre as aulas, o trabalho, o namorado e o modem que morreu, vou fazer os possíveis por “postar” qualquer coisa regularmente. Entretanto, após mais quatro horas de “TV Cabo boa tarde, está a falar com Marta Tomé, em que posso ser útil” […]

Read More →

vacas

Cadeira: Egípcio Hieroglífico I. Análise da Paleta de Namer, encabeçada por duas cabeças de vaca. “Qual é a ideia que a vaca vos transmite?”, pergunta a professora. Ninguém responde. Ela lá nos explica que, desde sempre, a vaca tem sido um símbolo do feminino, fertilidade e maternidade (curiosamente, neste contexto, a deusa Bat, e mais tarde Hathor, simbolizavam também tudo […]

Read More →